CRUSTAL STRUCTURE OF SOUTHEASTERN MINAS GERAIS, BRAZIL, DEDUCED FROM GRAVITY MEASUREMENTS

D. BLITZKOW, P. GASPARINI, N. C. DE SÁ, M. S. M. MANTOVANI

Resumo


Foi efetuado um levantamento gravimétrico no Estado de Minas Gerais. entre 18° e 20ºS, 42° e 44°33' W, sobre a rede de nivelamento geométrico da FIBGE. Nos intervalos onde não foram encontradas RNs as altitudes foram determinadas por nivelamento barométrico. O levantamento gravimétrico foi conduzido ao longo de perfis e tem o objetivo de estender as informações sobre a estrutura crustal, obtidas através de uma prospecção sísmica a refração não revertida. A inversão das anomalias de Bouguer foi efetuada com técnicas de computação utilizando modelos bi-dimensionais de forma qualquer e ajuste aos dodos experimentais por métodos iterativos. Foi obtida uma profundidade normal de 38-40 km para o MOHO. Entre Itabira e Guanhães, foi observada uma espessura crustal maior e a MOHO se encontra a uma profundidade de 45 km. Os dados gravimétricos implicam na existência de uma camada com densidade intermediária na crosta inferior.

Texto completo:

PDF (English)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.