MÉTODO PARA ANÁLISE GRANULOMÉTRICA DE DEPÓSITOS RUDÁCEOS

Ney FETT JÚNIOR

Resumo


Métodos fundamentados no peneiramento e na pesagem de cascalhos são pouco utilizados em estudos sedimentológicos e de áreas afins, pois comumente requerem a amostragem de volumes enormes de partículas. Diante disso, este trabalho apresenta técnica relativamente simples, de baixo custo, para análise granulométrica de clastos rudáceos, na qual os materiais e os procedimentos podem ser ajustados aos objetivos, cronograma e orçamento da pesquisa. Assim, pretende-se tornar esse tipo de prática acessível a todos os níveis do meio acadêmico-científico, desde alunos de graduação até professores e pesquisadores. A aplicação do método permitiu diferenciar depósitos cascalhosos quaternários encontrados na base de planícies de inundação do médio curso do Rio Pardo, região centro-leste do Estado do Rio Grande do Sul. Além disso, possibilitou propor hipóteses sobre a dinâmica fluvial relacionada à gênese desses sedimentos, com base na variação de tamanhos de grão e na moda.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank