APLICAÇÃO DO MÉTODO TRANSIENTE ELETROMAGNÉTICO (TEM) COM VÍNCULO DE INFORMAÇÕES DE POÇOS PARA O IMAGEAMENTO GEOELÉTRICO DA BACIA DE RESENDE, BRASIL

Hans Schmidt SANTOS, Felipe Barbosa Venâncio de FREITAS, Jonas Jackson Lobão RIOS, Nicolas Aguiar ACCIAINOLI, Nayara Pavan RODRIGUES

Resumo


Este trabalho apresenta uma atualização do modelo de resistividade do subsolo da Bacia de Resende, Brasil. Em adição a 88 sondagens transiente eletromagnéticas, dados de 39 poços distribuídos na região foram utilizados. Através dos dados adquiridos, melhorias foram feitas para o modelo de resistividade utilizando as profundidades de sedimentos conhecidas dos poços como vínculo para estimativa das regiões onde o subsolo é mais condutivo (ρ < 300 Ω.m). Assim, esse estudo permitiu a construção de um modelo de condutividade do subsolo mais realista, o que permite atualizar pesquisas geoelétricas anteriores e contribuir para o conhecimento do subsolo de uma importante região no contexto hidrogeológico do Brasil.


Palavras-chave


Resistividade do subsolo; Bacia de Resende; Método Transiente Eletromagnético.

Texto completo:

PDF (English)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank