INFERÊNCIAS PALEOAMBIENTAIS A PARTIR DE ANÁLISE DE PALINOFÁCIES DA FORMAÇÃO HIDDEN LAKE (CONIACIANO, CRETÁCEO), BACIA LARSEN, ILHA JAMES ROSS, ANTÁRTICA

MONIKA BEATRIZ CRUD, MARCELO DE ARAUJO CARVALHO, RENATO RODRIGUEZ CABRAL RAMOS

Resumo


A Sub-bacia James Ross destaca-se por possuir uma das mais completas sequências sedimentares depositadas no Hemisfério Sul. Este estudo tem por objetivo a caracterização da matéria orgânica sedimentar (MOS) de 32 amostras recuperadas das seções HL-1 (64 m) e HL-2 (59 m) atribuídas à Formação Hidden Lake (Coniaciano), com a finalidade de identificar mudanças paleoambientais. Os grupos Amorfo, Fitoclastos e Palinomorfos foram encontrados. A matéria orgânica sedimentar foi agrupada em: material amorfo, fitoclastos opacos, fitoclastos não opacos, palinomorfos continentais e palinomorfos marinhos. A distribuição estratigráfica dos grupos revelou três intervalos (I–III) na seção HL-1 e quatro na seção HL-2 (A–D). As mudanças paleoambientais foram sugeridas com base na correlação entre as seções, com auxílio das associações de fácies (AF-1–AF3), razão continental/ marinho (C/M) e análise de componentes principais. As duas seções podem ser correlacionadas da seguinte forma: I/A, II/B e III/C-D. O Intervalo I/A é caracterizado por altos valores de material lenhoso. O Intervalo II/B continua com valores altos de material lenhoso; no entanto, é marcado pelo maior pico de matéria orgânica amorfa na seção HL-1 e menor abundância de fitoclastos não opacos na seção HL-2. No Intervalo III/C-D é registrado um aumento significativo de elementos marinhos nas duas seções. O paleoambiente de leque deltaico é sugerido para as duas seções, sendo que na seção HL-1 a grande quantidade de fitoclastos e de detritos de origem vulcanoclástica indica um posicionamento mais proximal. Enquanto na seção HL-2, a maior quantidade de elementos marinhos indica um posicionamento longe do alcance do fluxo terrígeno.

 


Palavras-chave


Palinofácies; Formação Hidden Lake; Coniaciano; Península Antártica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.4072/rbp.2017.1.08

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country RankSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar