CLASSIFICAÇÃO DE BACIAS SEDIMENTARES: UMA REVISÃO COMENTADA

MARCELO A. MARTINS-NETO

Resumo


Ao longo da evolução dos conhecimentos sobre bacias sedimentares, em função da necessidade intrínseca de se ordenar o conhecimento, varies autores se preocuparam em adotar critérios e propor esquemas para classificar as bacias sedimentares, na maior parte dos casos influenciados por teorias geotectônicas como Geossinclinal e Tectônica de Placas. Inicialmente, o artigo discute a definição de bacia sedimentar, uma vez que duas abordagens são encontradas na literatura, uma geodinâmica, onde bacias são definidas pela atuação de mecanismos de subsidência interligados, relativos ao mesmo regime tectônico ou evento tectonotermal, responsável pelo desenvolvimento de um cicio de embaciamento de primeira ordem, e outra geográfica, que significa uma região caracterizada pela acumulação de uma pilha espessa de sedimentos por um longo período no tempo geológico, sem levar em consideração a existência de significativos hiatos e/ou discordâncias dentro do pacote e o empilhamento de mais de um cicio de 1a ordem. Após uma síntese sobre a evolução dos conhecimentos acerca da classificação de bacias sedimentares, o artigo discute os méritos e a eficiência dos mesmos e de seus critérios norteadores, incluindo o caso particular das bacias intracratônicas, bem como discute perspectivas futuras do tema. Ao final, conclui que os critérios básicos propostos por Dickinson (1974), embora incompletos e/ou deficientes sobre alguns aspectos, se mostraram bastante eficientes do ponto de vista pratico, sobretudo ao enfatizarem o tipo de interação de placas ativo (regime tectônico) durante a sedimentação (se divergente, convergente ou transcorrente). O fato da evolução de bacias poder ser explicada com base nas  relações de interação entre placas resolveu o problema maior dos esquemas anteriores, que era a proliferação de nomes para satisfazer casos particulares, bem como possui implicações diretas em termos de campos de tensão, estilos estruturais e estilos estratigráficos, conferindo uma eficiência pratica na definição do tipo de bacia e um caráter preditivo em termos de processos e produtos.


Palavras-chave


Bacias sedimentares; Classificação; Análise de bacias.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.