A interação tectônica embasamento/cobertura em aulacógenos invertidos: um exemplo da Chapada Diamantina Ocidental

Simone Cerqueira Pereira Cruz, Vilson Marques Dias, Fernando Flecha Alkmim

Resumo


Um cinturão de dobramentos e cavalgamentos com embasamento envolvido está exposto ao longo da borda ocidental da Chapada Diamantina, um platô recoberto por unidades proterozóicas no interior da porção setentrional do Cráton do São Francisco. Esse cinturão, com trend NNW e vergência ENE, envolve uma parte substancial da porção leste do Aulacógeno do Paramirim, que corresponde a um rifte intracontinental que experimentou uma longa história de desenvolvimento iniciada em 1,75 Ga com a sedimentação do Supergrupo Espinhaço. Após a deposição da segunda maior unidade de preenchimento, o Supergrupo São Francisco, de idade neoproterozóica (Tonian-Cryogeninan), o rifte do Paramirim experimentou uma vigorosa inversão positiva que gerou um sistema de falhas e dobras com trend NNW. Com o intuito de contribuir com o entendimento da tectônica de inversão envolvendo o embasamento, foi realizada a análise estrutural baseada em dados de campo ao longo da borda oeste da Chapada Diamantina. Os resultados indicam que o processo de inversão ocorreu em quatro fases coaxiais de deformação progressiva. Sob um campo de encurtamento geral orientado segundo WSW-ENE, a primeira fase de deformação (Dpdesc) nucleou um sistema em que a cobertura se descolada do embasamento nucleando estruturas vergentes para ESE, incluindo descolamentos intra-estratais, leques imbricados, duplexes confinados a estratos e uma variedade de estruturas de pequena escala. Reativando estruturas pré-existentes, a fase deformacional subseqüente (Dp1/Dp2) foi responsável pela geração de falhas reversas envolvendo o embasamento, zonas de cisalhamento reversas a oblíquas e grandes dobras com trend NNW que domina o cenário estrutural da borda oriental da Chapada Diamantina. Durante a fase Dp3 um trem de dobras orientadas segundo NNW, vergente para WSW e associada com uma proeminente clivagem de crenulação desenvolveu-se sobre as estruturas previamente deformadas em zonas de alta deformação da borda oriental da Chapada Diamantina.

Palavras-chave


Aulacógeno; Chapada Diamantina; Embasamento; Cráton do São Francisco.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.