Aplicação de técnicas de estatística multivariada na definição da litologia a partir de perfis geofísicos de poços

Sérgio Sacani Sancevero, Armando Zaupa Remacre, Alexandre Campane Vidal, Rodrigo de Souza Portugal

Resumo


A definição da litologia em poços de petróleo, por meio da análise de múltiplos perfis geofísicos, possui um papel importante dentro do processo de caracterização de reservatórios. A partir dessa é possível gerar modelos litológicos que por sua vez serão preenchidos pelas propriedades petrofísicas e podem então ser utilizados em simuladores de fluxo para entender e estudar o comportamento de um campo de petróleo. Normalmente ao se perfurar um poço, somente em uma pequena parte são extraídos testemunhos, isso ocorre devido ao alto custo na extração deste tipo de dado. Contudo, nos poços são corridos alguns perfis geofísicos em toda a sua extensão. Com esses perfis se tem a indicação indireta das rochas presentes nos poços. Desse modo é importante saber como combinar essas medidas, numa análise conjunta, de modo a definir a litologia nas porções não amostradas dos poços. Com essa motivação, o objetivo deste trabalho é aplicar diferentes técnicas estatísticas multivariadas para definir, a partir de um conjunto de perfis, a litologia presente em um poço específico. Com esse trabalho, pode-se mostrar que além de técnicas tradicionais como a análise de componentes principais, existem outras técnicas como o k-ésimo vizinho mais próximo, o qual pode fornecer resultados satisfatórios e ser aplicado de maneira conclusiva no processo de caracterização de reservatórios.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.