Aplicação de perfis geofísicos em projetos de perfuração de poços de petróleo no Golfo de México

Marcus Vinicius Leite, Antonio Abel Carrasquilla, Jadir Conceição da Silva, Luiz Lobo, Rafael Curtinhas, Sandro Batista

Resumo


A elaboração de um projeto de perfuração de poços de petróleo pode ser realizada através de uma abordagem que envolva conhecimentos científicos de várias disciplinas, tais como geologia, geofísica e engenharia de petróleo. Por este motivo, é de grande importância atuar na interface dessas áreas, a fim de mostrar como essa interação pode proporcionar uma visão interdisciplinar da fenomenologia envolvida no processo. No presente trabalho, foram analisados dados mecânicos, geológicos e geofísicos de dois poços do Golfo de México, com a finalidade de conhecer os parâmetros de perfuração e selecionar as brocas, fazendo possível, assim, a montagem de uma estratégia de perfuração de outros poços no campo estudado. Os resultados alcançados com o estudo dos perfis geofísicos indicam que, nos três intervalos observados, melhores brocas poderiam ter sido selecionadas. Entretanto, é importante ressaltar a experiência dos profissionais envolvidos num projeto de perfuração, pois, diversas vezes é preferível perfurar mais devagar e evitar a troca de broca por desgaste, que furar de forma rápida, mas ter que trocar continuamente a broca. Por fim, a utilização integrada de dados dos poços permite a otimização do projeto e a elaboração de um plano de perfuração, o que se traduz na melhor utilização dos recursos econômicos locados nessa atividade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.