Fluxo tectônico subparalelo ao Cinturão Ribeira no sul do Espírito Santo: análise das estruturas na seção Marechal Floriano-Ibatiba

Tiago da Rocha Karniol, Rômulo Machado

Resumo


Os dados estruturais obtidos ao longo da seção Marechal Floriano - Ibatiba, região sul do Estado do Espírito Santo, foram classificados em quatro domínios estruturais. O domíno I, caracterizado por gnaisses aluminosos, apresenta uma foliação NNE com mergulhos médios a baixos para ESE que é afetada por dobras abertas e contém uma lineação de estiramento subhorizontal com caimento para NNE. Os domínios II, III e IV constituem-se de uma associação de rochas plutônicas, foliadas, com mergulhos em geral de alto ângulo, associadas com estruturas em leque e zonas de cisalhamento com lineação de estiramento com caimento de baixo a médio ângulo para NNE, paralela aos eixos das dobras. Na seção investigada, os indicadores cinemáticos (pares de foliações S-C e porfiroclastos assimétricos) mostram movimentação de topo para SSW e sugerem a existência de um fluxo transpressivo nesta direção, de forma análoga ao que tem sido caraterizado no Vale do Rio Doce e na porção ocidental do Estado do Rio de Janeiro.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.