Seixos depositados por tempestades durante o Eoemsiano na Formação Ponta Grossa, Bacia do Paraná (estado do Paraná, Brasil)

Yngve Grahn, Elvio Pinto Bosetti

Resumo


Seixos de quartzito em siltito arenoso com finas lentes de areia foram encontrados em duas localidades da região dos Campos Gerais do Paraná, sub-bacia de Apucarana, Bacia do Paraná, sul do Brasil. Estes seixos foram inicialmente interpretados como diamicititos glaciais mas suas superfícies lisas e as características sedimentares circumvizinhas indicam outra origem. Dois dos seixos são associados a estruturas do tipo hummocky cross stratification de pequeno porte, o que é indicativo de correntes formadas por oscilação de ondas. Nenum dos seixos mostram traços de encrustação. O siltito que suporta os seixos é afetado por bioturbação e contém braquiópodes (Australospirifer). Palinomorfos indicam que estes depósitos de tempestades foram depositados durante uma inundação máxima do Eoemsiano.

Texto completo:

PDF (English)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.