Padrões de canal do rio Paraguai na região de Cáceres (MT)

Aguinaldo Silva, Edvard Elias de Souza Filho, Sandra Baptista da Cunha

Resumo


A bacia do alto rio Paraguai vem passando por um intenso processo de ocupação agrícola. A ocupação das vertentes, a navegação fluvial e uma possível tectônica ativa são fatores que podem levar à modificação do sistema fluvial. Uma vez que o segmento fluvial estudado está situado a montante do Pantanal Mato-Grossense, as modificações que o afetarem podem vir a ter influência na referida bacia de acumulação. O objetivo deste trabalho é caracterizar o padrão de canal do segmento do rio Paraguai situado entre o rio Cabaçal e o morro Pelado, na região de Cáceres (MT), como forma de entender sua dinâmica e poder colaborar com informações que auxiliem a tomada de decisão a respeito do planejamento de uso do solo e do rio, na área. Para isso, foi realizada a caracterização morfológica e dinâmica do canal e da planície, por meio de uso de imagens orbitais, de dados de estações fluviométricas, e trabalho de campo. A análise do segmento fluvial estudado demonstrou que o canal possui dois segmentos com diferentes padrões. O segmento superior apresenta características de canais meandrantes e entrelaçados, enquanto o segmento inferior possui características de canais retilíneos, e entrelaçados, com sua planície com formas típicas de sistema anastomosado. Tal situação indica que todo o segmento está em processo de ajuste fluvial, desencadeado por provável aumento no aporte de sedimentos arenosos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.