A IMPORTÂNCIA DO ESTUDO BIOGEOQUÍMICO NA MOBILIDADE DOS ELEMENTOS RESIDUAIS EM AMBIENTE SUPERGÊNICO

MARIA DO CARMO LIMA E CUNHA, NORBERTO DANI, MILTON LUIZ LAQUINTINIE FORMOSO

Resumo


Considerações sobre a mobilidade dos elementos residuais em ambiente supergênico são feitas sob a óptica biogeoquímica, visando uma melhor compreensão da distribuição dos elementos menores e traços na biosfera. Os resultados obtidos demonstram que mesmo aqueles elementos menos móveis como Al, o Ti e o Zr são absorvidos pela espécie Baccharis uncinella em quantidades consideráveis. Além disso, a referida espécie revelou uma capacidade de concentrar Al que lhe confere um caráter de acumuladora e tolerante aos teores excessivos deste elemento.

Palavras-chave


Biogeoquímíca; Elementos residuais; Alumínio; Titânio; Zircônio; Ambiente; Supergênico.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.