Considerações sobre o cenozoico de Angola, África

Vicente José Fúlfaro, Joaquim Raul Torquato

Resumo


Os depósitos sedimentares de idade Cenozóica em Angola acham-se afetados por várias mudanças do nível de base regional com sucessivos ciclos de levantamentos e reentalhe associados a oscilações climáticas. Associam-se, neste quadro geral, os depósitos de origem fluvial, flúvio-deltáico e desértico (T) do SW de Angola, os depósitos marinhos de idade Quaternãria depositados sobre os sedimentos das bacias costeiras de Moçâmedes, Benguela e Cuanza (Mesoz - T) e os sucessivos ciclos deposicionais de retrabalhamento da Formação Kalahari (T) do NE de Angola do Distrito de Malanje e na região de Lunda: O limite Plio - Pleistoceno é muito bem marcado em Angola com levantamento da costa, formação de um deserto de dunas ao sul, deposição da cobertura superficial dos planaltos e a primeira redistribuição das areias do Kalahari.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.