Pollen grain morphology of some Brazilian species of Dorstenia L. (Moraceae)

Ortrud Monika Barth

Resumo


Foi estudada a morfologia polínica de 40 espécimens pertencentes à 19 espécies do gênero Dorstenia por meio da microscopia de luz transmitida e a de um número menor de espécies por meio da microscopia eletrônica de transmissão e de varredura. Não foi possível caracterizar cada espécie pela morfologia de seus grãos de pólen. Foram estabelecidos três subtipos polínicos segundo o número de poros por grão; o primeiro pode ser subdividido em D. brasiliensis, com áspides psilados, e as demais espécies a esta correlacionadas, com aspides espiculosos. Não foi encontrada uma correspondência entre os subtipos polínicos estabelecidos, segundo o número de poros por grão, a configuração das superfícies e as seções taxonômicas. Ficou esclarecida a estrutura das aberturas por meio de cortes ultrafinos, e foi destacada a morfologia típica dos grãos de D. brasiliensis. Foram comentadas algumas tendências evolutivas entre as espécies examinadas, baseadas no número de poros e na estratificação e ornamentação da exina

Texto completo:

PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2316-8986.v17i0p121-129

Apontamentos

  • Não há apontamentos.