EVENTOS DE FRIAGEM NA REGIÃO DO PANTANAL, BRASIL

LUCIANA BARROS PINTO, BRUNO MAON FERNANDES, MÜLLER JUNIOR MARTINS DOS SANTOS, CLÁUDIA REJANE JACONDINO DE CAMPOS

Resumo


A incursão de ar frio em regiões tropicais da América do Sul é denominada friagem. Seus efeitos sobre as condições meteorológicas são bastante conhecidos na região Amazônica, porém pouco se conhece a respeito da influência da friagem no Pantanal. Por isso, o objetivo deste trabalho foi quantificar e estudar o comportamento de variáveis meteorológicas durante a atuação de friagens na região do Pantanal, representada pelas cidades de Aquidauana e Coxim entre o período de 2007 a 2012. Para a identificação de friagem foi utilizado a seção Sistemas Frontais e Frontogênese do boletim mensal Climanálise e, a partir desse, considerou-se como eventos de friagem os eventos de sistemas frontais que chegaram à Cuiabá. Com isso, foram utilizados dados de temperatura do ar e precipitação para duas localidades na região do Pantanal para seleção de episódios de friagens. Verificou-se que o período de maio a setembro é o de maior ocorrência do fenômeno, e a temperatura máxima foi a variável mais afetada pela atuação da friagem. As temperaturas tiveram declínio nos primeiros dois dias de evento, e elevação a partir do terceiro dia. Cada friagem teve duração média de 5 dias, e a maioria dos eventos registraram precipitação. Nos meses de junho, julho e agosto a maior parte da chuva ocorreu em períodos de atuação desse fenômeno.


Palavras-chave


Temperatura; Precipitação; Sistema frontal.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11137/2018_2_223_232

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank