Reservas renováveis e caracterização dos aqüíferos fissurais do Leste da Zona da Mata de Minas Gerais e adjacências

José Augusto Costa Gonçalves, Paulo Cyro Baptista Scudino, Frederico Garcia Sobreira

Resumo


O trabalho trata de uma caracterização hidrogeológica das bacias hidrográficas dos rios Pomba e Muriaé, tributários do rio Paraíba do Sul, considerando a correlação quantitativa existente entre as águas superficiais e as subterrâneas. Os hidrogramas analisados foram construídos com dados de descargas médias diárias em sete estações fluviométricas, sendo uma no rio Novo, quatro no rio Pomba e duas no rio Muriaé, localizadas respectivamente em: a. Usina Maurício; b. Guarani; c. Astolfo Dutra; d. Cataguases; e. Santo Antônio de Pádua; f. Patrocínio do Muriaé; g. Itaperuna. Para as bacias estudadas, os valores encontrados para a descarga subterrânea específica (L/s/km²) e do coeficiente de recessão (a) respectivamente para as estações enumeradas foram: a. 12,3 / 0,00362; b. 13,7 / 0,00315; c. 12,8 / 0,00359; d. 12,6 / 0,00368; e. 10,9 / 0,00393; f. 9,9 / 0,00516; g. 10,8 / 0,00535.

Palavras-chave


estações fluviométricas;águas superficiais e subterrâneas;hidrogramas;coeficiente de armazenamento

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5327/S1519-874X2005000100002

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank