Geoquímica e Assinaturas Nd-Sr do Complexo Granitoide Pensamiento, Província Rondoniana-San Ignacio, Pré-Cambriano de Bolívia Oriental: Caracterização Petrogenética de um Arco Magmático no Mesoproterozoico

Ramiro Matos, Wilson Teixeira, Mauro Cesar Geraldes, Jorge Silva Bettencourt

Resumo


O Complexo Granitoide Pensamiento (CGP) ocorre na porção norte do Pré-Cambriano Boliviano, estando tectonicamente associado à evolução da província Rondoniana-San Ignacio (1.55 - 1.30 Ga) do Craton Amazônico, constituído por uma província central de idade arqueana e províncias proterozoicas marginais. A evolução proterozoica resulta do desenvolvimento de cinturões acrescionários sucessivamente mais jovens para sudoeste, a exemplo das orogenias Rondoniana-San Ignacio (1.37 - 1.32 Ga) e Sunsás (1.20 - 1.00 Ga). O CGP ocorre na parte setentrional do Pré-Cambriano Boliviano, ao norte do cinturão Sunsás, sendo constituído por granitos e termos subvulcânicos. Subordinadamente ocorrem sienitos, granodioritos, tonalitos, trondjemitos e dioritos. Em termos tectônicos, essas rochas são classificadas em dois conjuntos: plutons sin a tardicinemáticos e tardi a pós-cinemáticos. Treze análises químicas em rocha total para elementos maiores, traços e ETR foram realizadas em rochas granitoides orogênicas do CGP. Diagramas de correlação geoquímica indicam tendência negativa entre os conteúdos de MgO, Al2O3 and CaO em função do aumento de SiO2, sugerindo processos de cristalização fracionada na petrogênese das rochas investigadas. Em adição os dados indicam uma composição principalmente peraluminosa, subalcalina de alto K, compatível com ambiente de arco magmático, para a geração dos plútons estudados, corroborado pelo padrão de fracionamento dos ETRL/ETRP. Datações SHRIMP em zircão dos plútons La Junta e San Martín (sin a tardicinemáticos; 1347 ± 21 e 1373 ± 20 Ma, respectivamente) em conjunto com idades modelo T DM entre 1,9 e 2,0 Ga e valores de εNd(1330) entre +1,8 e -4,3 são semelhantes a resultados publicados em outros corpos coevos. Em adição, os plútons Porvenir, San Cristobal e Piso Firme (tardi a pós-cinemáticos) têm idades T DM modelo entre 1,6 e 1,7 Ga e valores de εNd(1330) positivos entre +2,7 e +1,5, o que sugere uma origem em arco magmático intraoceânico. O plúton Diamantina (tardi a pós-cinemático; idade SHRIMP em zircão de 1340 ± 20 Ma) tem idades T DM modelo entre 1,6 e 1,9 Ga com valores de εNd(1330) entre +0,4 e -1,2. Isto corrobora a hipótese de significativa contribuição de material juvenil mesoproterozoico durante a sua gênese. Os resultados aqui obtidos interpretados em conjunto com os dados geológicos de unidades contemporâneas na contraparte brasileira reforçam a existência de um arco magmático juvenil mesoproterozoico que finalizou a evolução acrescionária da província Rondoniana-San Ignacio

Palavras-chave


Bolívia;Complexo Granitoide Pensamiento;Província Rondoniana-San Ignacio;Geoquímica;Isótopos Nd-S

Texto completo:

PDF (English) EPUB


DOI: http://dx.doi.org/10.5327/z1519-874x2009000200005

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank