A Disciplina Geologia Geral - Sistema Terra, Introdutória ao Curso de Geologia da USP: Conteúdo e Reflexões

Paulo César Boggiani, Colombo Celso Gaeta Tassinari, Ciro Teixeira Correia, Horstpeter Herberto Gustavo José Ulbrich, Antonio Carlos Rocha Campos, Sonia Maria Barros de Oliveira, Rogério Guitarrari Azzone, Thiago Piacentini

Resumo


A disciplina Geologia Geral - Sistema Terra, foi concebida com o objetivo de proporcionar, a alunos do curso de Geologia, o entendimento amplo e integrado, embora introdutório, dos processos atuantes na geosfera terrestre e suas complexas interações. Por meio da familiarização com conceitos e técnicas geológicas básicas, a disciplina visa capacitar os estudantes a interpretar fenômenos geológicos, motivando-os a ampliar seus conhecimentos das Geociências. Tópicos mais gerais tratados incluem a visão da Terra como parte do Sistema Solar, as áreas de atuação profissional do geólogo e sua responsabilidade frente à sustentabilidade da Terra. A disciplina tem iní­cio, no primeiro semestre, com apresentação da evolução do pensamento geológico e, em seguida, com apresentaçães sobre a origem do Universo e do Sistema Solar. Prossegue com os conceitos básicos da dinâmica interna do planeta, com ênfase na Tectônica Global e nos processos formadores de rocha. Aulas práticas incluem o reconhecimento de minerais e rochas mais importantes, visualização de mapas topográficos e geológicos básicos e introdução ao uso de bússola Brunton. Discute-se, a seguir, a dinâmica externa, com aulas sobre intemperismo e origem, transporte e deposição dos sedimentos. Encerra-se o semestre com aulas sobre ação geológica do gelo, rios, ventos e mares. Inicia-se o segundo semestre com a apresentação dos conceitos do tempo geológico, fundamentado com noções sobre Paleontologia, Estratigrafia e Geocronologia. As principais estruturas geológicas são apresentadas, destacando-se o uso da bússola Brunton para medição de atitudes de planos inclinados. A partir do exame de mapas geológicos, é enfatizada a importância de adquirir visões bi e tridimensionais dos terrenos representados, assim como das diferentes etapas da evolução geológica. A parte final da disciplina é dedicada à discussão da importância econômica dos recursos hí­dricos, energéticos e minerais, ainda acrescida de uma aula sobre a contribuição da Geologia nas obras de engenharia e ocupação urbana. Ao transcorrer da disciplina, as aulas são complementadas com palestras ministradas por profissionais das diferentes áreas de atuação profissional. Ao final, é apresentado um esboço sobre a geologia do Brasil e do Estado de São Paulo, com introdução sobre técnicas de mapeamento geológico. A primeira experiência de mapeamento é desenvolvida durante atividade de campo de dois dias, para a qual é exigido relatório. Também no final do segundo semestre, os alunos elaboram e apresentam seminários sobre temas tratados na disciplina. A equipe que ministra a disciplina vem buscando restringir ao mí­nimo o uso de nomenclatura técnica e aprimorar a concatenação entre os conceitos abordados entre uma aula e outra para, dessa forma, ser atingido o objetivo de apresentar o Planeta Terra de forma sistámica.

Palavras-chave


Curso de geologia; Disciplina introdutória; Geologia geral; Ensino de geociências.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2316-9087.v4i0p33-45

Apontamentos

  • Não há apontamentos.