CONTRIBUIÇÃO AO ARCABOUÇO GEOLÓGICO DO SISTEMA AQUÍFERO URUCUIA

Chang Hung KIANG, Flavio de Paula e SILVA

Resumo


O Sistema Aquífero Urucuia, constituído por rochas do Grupo Urucuia, distribui-se por área de 125.000 km2 na porção centro-norte da Bacia Sanfranciscana e representa importante fonte de recursos hídricos para abastecimento público, irrigação de plantações e para o fluxo de base das bacias hidrográficas dos rios São Francisco e Tocantins. A análise de sucessões sedimentares com base na identificação e correlação de fácies geofísicas, obtidas de perfilagens de poços profundos, mostrou que o Grupo Urucuia cobre discordantemente sedimentos arenosos, de provável origem eólica, com espessura superior a 250 metros na porção central da bacia, e arenitos argilosos intercalados por pelitos, em direção ao bordo leste da bacia. O estudo mostra que a sucessão psamítica/pelítica que grada acima para depósitos predominantemente arenosos, representa a sedimentação continental, em condições de crescente aridez, que vigorou do final do Permiano ao Triássico, materializada respectivamente pelas formações Motuca e Sambaíba da Bacia do Parnaíba. A inclusão dessa sucessão no Grupo Urucuia induziu a que grande parte dos pesquisadores considerassem espessuras superiores a 600 metros para o Sistema Aquífero Urucuia, quando sua espessura máxima é da ordem de 350 metros.

Palavras-chave


Sistema Aquífero Urucuia; Hidroestratigrafia;, Perfis geofísicos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank