ANÁLISE GEOMORFOLÓGICA DA PLANÍCIE LAGUNAR SOB INFLUÊNCIA DO CANAL SÃO GONÇALO – RIO GRANDE DO SUL – BRASIL

Adriano Luís Heck SIMON, Pâmela Freitas da SILVA

Resumo


Ambientes lagunares costeiros apresentam significativa fragilidade ambiental devido aos recentes processos de formação geológico-geomorfológicos e às diferentes formas de exploração dos recursos naturais. Ainda são escassos os estudos para avaliar as características destes ambientes e as transformações decorrentes do processo de ocupação. A caracterização geomorfológica e a análise das alterações na morfohidrografia são fundamentais para o planejamento da ocupação destes ambientes, pois as formas do relevo são o palco da ação do homem na natureza. A presente pesquisa buscou identificar e analisar as características e as alterações geomorfológicas da Planície Lagunar sob influência do Canal São Gonçalo, Rio Grande do Sul, Brasil. Foram elaborados mapas geomorfológicos dos cenários de 1953 (morfologia pouco alterada – próxima à original) e 2010 (onde é possível verificar o conjunto de morfologias antropogênicas). Os resultados obtidos evidenciam significativas alterações na morfohidrografia, decorrentes da expansão urbana e de práticas agrícolas vinculadas às lavouras de arroz irrigado.

Palavras-chave


Mapeamento geomorfológico; Ambientes lagunares; Geomorfologia antropogênica.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank