METAIS PESADOS EM CALCÁRIOS DO ESTADO DE MATO GROSSO

Alexandra de Paiva SOARES, Oscarlina Lucia dos Santos WEBER, Ozires do ESPÍRITO SANTO

Resumo


O Estado de Mato Grosso é o principal produtor nacional de calcário, o crescimento da produção tem acompanhando o preço das commodities agrícolas e a expansão da área cultivada. No que diz respeito à composição química dos calcários, além do cálcio e do magnésio alguns metais pesados também fazem parte de sua constituição. Neste estudo foram coletadas amostras de calcários moídas em 19 mineradoras do Estado de Mato Grosso, onde foram avaliados os teores totais de Cu, Fe, Mn, Zn, Cd, Cr, Pb e Ni. Verificou-se que os calcários agrícolas mato-grossenses são potenciais fontes de micronutrientes essenciais (Fe, Mn, Zn, Cu e Ni) às plantas, além de possuírem teores relativamente baixos dos metais pesados potencialmente tóxicos (Cr, Cd e Pb), caracterizando-se por não representar risco imediato como fonte poluidora do solo. Ocorre grande variação no teor de metais pesados entre os diferentes grupos de formações rochosas.

Palavras-chave


Elementos traço; Rocha calcária; Corretivos do solo; Contaminação.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank