CARACTERIZAÇÃO MAGNETOMÉTRICA DO SILL DE LIMEIRA – SP

Adriano da Rosa SEIXAS, Antonio José Ranalli NARDY, César Augusto MOREIRA, Alice Marques PEREIRA

Resumo


O propósito do presente trabalho é a caracterização do jazimento em subsuperfície da soleira de diabásio associada à Província Magmática do Paraná intrudida em meio aos arenitos do Grupo Itararé, localizada próximo da cidade de Limeira, na região centro-leste do estado de São Paulo. O método magnetométrico serviu como uma importante ferramenta na delimitação do corpo ígneo, tendo em vista o grande contraste de propriedades físicas entre o diabásio da soleira e os arenitos hospedeiros. Dados cartográficos prévios assinalavam uma possível continuidade lateral, em subsuperfície, das várias soleiras que ocorrem na região. Porém, os dados magnetométricos ora obtidos, indicam que a área de ocorrência desse corpo é bastante restrita e independente das demais. A análise do espectro de potência radial médio obtido permitiu determinar o intervalo de número de ondas adequado para a separação das fontes em rasas e profundas, e assim, concluir que a soleira da região de Limeira está situada abaixo de 100m de profundidade.

Palavras-chave


Soleiras de diabásio; Geofísica; Magnetometria; Província Magmática do Paraná.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank