CENÁRIOS HIDROCLIMÁTICOS FUTUROS (2011-2040) PARA A REPRESA DE PARAIBUNA, SP, BRASIL: SUBSÍDIOS PARA A TRANSPOSIÇÃO ENTRE BACIAS HIDROGRÁFICAS

Rodrigo César da SILVA, Gilberto FISH

Resumo


A crise hídrica em São Paulo nos anos de 2014-2015 gerou conflitos pelo uso da água, visto que os totais de precipitação abaixo da normal climatológica impactaram os níveis dos reservatórios que abastecem a região. Neste contexto, a transposição das águas da bacia hidrográfica do rio Paraíba do Sul para o Sistema Cantareira, que abastece a Região Metropolitana de São Paulo foi proposta pelas autoridades para mitigar os impactos desta crise e abastecer sua população, sendo necessário analisar se a transposição proposta atenderá à sua demanda. Para investigar as condições futuras de quantidade de água da represa de Paraibuna, foram utilizados dados de simulação climática do modelo atmosférico global HadCM3/Eta, considerando o cenário SRES (Special Report on Emission Scenarios) A1B do IPCC (Intergovernmental Panel on Climate Change), para os períodos passado (1961-1990) e futuro (2011-2040). Os resultados estimam que até 2040 aumentará a demanda em 123% pelas águas da bacia do Paraíba do Sul, e em apenas 40% dos anos poderá ocorrer a transferência de água entre as bacias hidrográficas, sendo que na década de 2030 apenas em três anos esta transposição será viável. Isto demonstra a baixa efetividade da proposta e coloca em evidência a transposição entre bacias hidrográficas como solução para a crise de abastecimento na região.


Palavras-chave


Crise hídrica; Precipitação; Simulação climática; Vale do Paraíba.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank