GEOLOGIA E TECTÔNICA DA FOLHA TOPOGRÁFICA DE CAPÃO BONITO NA ESCALA 1:50.000, SUDESTE DO ESTADO DE SÃO PAULO

Antonio Misson GODOY, Otávio Augusto Ruiz Paccola VIEIRA, Washington Barbosa LEITE JUNIOR, Peter Cristian HACKSPACHER, Suelen Portughesi da MATA, Jonas Menezes ZENERO

Resumo


A região da Folha Topográfica de Capão Bonito em escala de 1: 50.000, localiza-se no extremo sul do estado de São Paulo e insere-se na faixa centro-sul do Cinturão Ribeira, na porção norte do Terreno Apiaí. A área envolve rochas da sequência metavulcanossedimentar do Supergrupo Açungui constituídas pelos metassedimentos da Formação Água Clara e do Grupo Votuverava de idade meso- a neoproterozoicas, além de rochas granitoides neoproterozoicas representados por tipos litológicos do Complexo Três Córregos e do Granito Capão Bonito, rochas sedimentares do Grupo Itararé, intrusivas básicas associadas ao Magmatismo Serra Geral e sedimentos recentes quaternários. A evolução geológica é determinada pelo arranjo tectônico-metamórfico neoproterozoico, que é definida por três fases de deformacionais. Os dois eventos iniciais são relacionados a uma tectônica tangenciais, ligados à fase colisional, e consequente espessamento de massas crustais e a colocação e deformação das rochas sin- colisionais do Complexo Três Córregos. A deformação posterior é marcada por uma tectônica transcorrente/transpressiva em que ocorre associada à ascensão magmática tardia e a atual estruturação alongada do granito pós-colisional Capão Bonito. O metamorfismo regional progressivo é do tipo Barroviano, com rochas em fácies xisto verde alto, com ocorrências locais de metamorfismo de contato e o dinâmico que apresentam natureza retrometamórfica.


Palavras-chave


Geologia; Estrutural; Mapeamento; Capão Bonito.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank