INTEGRAÇÃO DO MÉTODO AHP E SIG COMO INSTRUMENTO DE ANÁLISE DO NÍVEL DE CONSERVAÇÃO AMBIENTAL EM BACIAS HIDROGRÁFICAS

RAYLTON DE CARVALHO GOMES, EDILSON SOUZA BIAS

Resumo


O presente trabalho teve como objetivo principal determinar o nível de conservação da bacia do Rio Melchior, DF, Brasil. Para isso, foi desenvolvido um modelo para identificação do nível de conservação dessa, com alternativas e critérios do meio físico e social. Os critérios e alternativas do modelo passaram por um processo de julgamento de pesos por meio do método multicritério Analytic Hierachy Process (AHP). Para auxiliar este método de avaliação e dos cálculos dos pesos atribuídos, foi utilizado o Software Expert Choice. Na elaboração do produto temático um mapa do nível de conservação utilizou a operação conhecida como álgebra de mapas, que faz uso de funções matemáticas com constante escalar ou o simples uso de uma operação aritmética. As operações algébricas com os mapas foram feitas de acordo com os pesos definidos e estabelecidos pelo AHP. Os resultados da integração do AHP e Sistema de Integração Geográfica (SIG) mostraram que as variáveis relacionadas ao meio físico (uso do solo, pluviosidade, pedologia e declividade) do meio social (água, esgoto e lixo) permitiram conhecer o Nível de Conservação Ambiental da Bacia. Dessa forma, as variáveis apresentadas no estudo foram eficientes para diagnosticar a fragilidade da bacia e fornecer indicativos para tomada de decisão.


Palavras-chave


Planejamento Ambiental; Método Multicritério; Sistema de Informação Geográfica; Ordenamento Territorial; Bacia Hidrográfica do Melchior.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank