MODELO DE AVALIAÇÃO DA EXPOSIÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE RISCO À SAÚDE E MEIO AMBIENTE APLICADO A ATIVIDADE DE MINERAÇÃO

SERGIO FRED RIBEIRO ANDRADE, FERMIN GARCIA VELASCO, FRANCISCO HERIBERTO MARTINEZ LUZARDO, JORDAN BRIZI NERIS

Resumo


As metodologias para avaliação de risco à saúde são importantes ferramentas para auxiliar na gestão e mitigação de locais contaminados por compostos químicos. No presente trabalho, é proposta uma nova metodologia para avaliação de risco por exposição a compostos químicos, denominada SysRisk, que visa a avaliação dinâmica da exposição e caracterização do risco nas abordagens quantitativa e qualitativa, considerando a matriz espaço-temporal do cenário contaminado. O SysRisk foi aplicado em um cenário reportado por outros autores sobre a contaminação ambiental com metais Fe, Zn, Co e Pb, nos compartimentos ambientais água e solo, em área afetada pela atividade de uma metalúrgica de Zinco em Duque de Caxias, Rio de Janeiro - Brasil. Os resultados apurados pelo SysRisk foram comparados com os resultados do estudo reportado. A comparação mostrou diferenças significativas na caracterização do risco quantitativo e qualitativo entre as duas abordagens. O SysRisk mostrou adicionalmente a capacidade de realização de uma análise espaço-temporal detalhada que considera os efeitos individuais e sinérgicos de múltiplos contaminantes, e oferece novos subsídios para ações de mitigação mais eficientes diferenciadas por local afetado e período de tempo.


Palavras-chave


Avaliação de risco; Contaminação por metais; Risco à saúde humana; Mineração; Máquina Vetorial de Suporte.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank