SOBRE 0 COMPORTAMENTO ESPACIAL DO TRAPP BASÁLTICO DA BACIA DO PARANÁ

VIKTOR LEINZ, A. BARTORELLI, G. R. SADOWSKI, C. A. L. ISOTTA

Resumo


Este trabalho trata de alguns aspectos sobre os enormes derrames de lava que ocupam grandes áreas do Brasil meridional, norte do Uruguai e Argentina, e pequena parte do Paraguai oriental. Dados obtidos de poços da Petrobras e da A.N.C.A.P., revelam grandes espessuras de rochas basálticas na região da Bacia do Paraná. O mapa de isópacas do trapp, desenhado com base nesses dados, sugere um volume de lavas da ordem de no minimo 650.000 km3. As maiores espessuras, quase alcançando 1.800 m, são observadas na zona de Presidente Epitácio para o sul, parcialmente coincidentes com a região central da bacia. O perfil elétrico do poço de Presidente Epitácio, indica a existência de 32 corridas de lava, com espessuras individuais ao redor de 50m. Na região da rodovia Br-2 situada entre os rios Pelotas e Cai (Rio Grande do Sul), o comportamento de estruturas tais como diaclases, vesículas, brechas "vulcânicas", etc., tem sido observado. As feições dessas brechas induzem-nos a considera-las como lavas aglomeráticas, que ocorrem no topo de alguns derrames. Foi também verificado, através da avaliação de propriedades como densidade, índice de refração e porcentagem dos vidros, que as lavas são bastante heterogêneas, ao contrario do que geralmente se supõe. Os índices de refração de 1,54 a 1,59 para os vidros do perfil "Lauro Müller-São Joaquim", parecem indicar uma composição fortemente basáltica, enquanto que no perfil "Tainhas-Faxinal", esses valores decrescem para 1,51 - 1,52, indicando uma composição razoavelmente acida. Ha também uma tendencia geral das lavas com altas densidades, em ocupar posições estratigráficas mais baixas das de menor densidade. No perfil do "Rio Turvo", pode ser distinguida uma nítida relação entre a densidade das lavas e o seu conteúdo em vidro, ou seja, a um aumento do conteúdo em vidro, corresponde uma diminuição da densidade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.